Comerciante é suspeito de furtar celular de cliente e estourar limite com combustível, jóias e boate

1315

As equipes de agentes da Delegacia Municipal e do Grupo de Investigação de Homicídios de Uruaçu, realizaram a prisão em flagrante de Igor Rafael Ribeiro Lopes, suspeito de se apropriar do celular de um cliente e subtrair os valores disponíveis nos limites dos seus cartões de crédito, utilizando os aplicativos instalados no aparelho.

A vítima teria esquecido o celular ao fazer uma compra no estabelecimento comercial de propriedade do suspeito, que chegou a entrar em contato com ela pedindo que não comunicasse nada à polícia, e afirmando que devolveria o celular.

Porém, o suspeito passou a realizar diversos pagamentos, compras e transferências de valores em prejuízo da vítima, gastando em poucos dias aproximadamente R$ 25 mil em postos de combustíveis, joalherias e boates.

Apenas na madrugada de hoje (02), em uma casa noturna de Uruaçu, o suspeito transferiu da conta da vítima a quantia R$ 7.754,00, fazendo uma espécie de “crédito” para as despesas da noitada.

O proprietário da casa noturna, ao ser informado pelos policiais civis da origem ilícita do valor, devolveu espontaneamente à vítima a quantia de R$ 7mil, valor que o suspeito ainda não havia consumido.

Igor confessou parcialmente os fatos, admitindo os gastos que fez na casa noturna em nome da vítima.

De acordo com a Polícia Civil, a identificação dele e a divulgação das imagens visam o reconhecimento por parte de eventuais testemunhas e vítimas. Realizados os expedientes pertinentes, o autuado por furto e apropriação foi encaminhado para a Unidade Prisional de Uruaçu e ficará à disposição do Poder Judiciário.

ESCLARECIMENTOS DA DEFESA

O advogado de defesa de Igor Rafael, Augustto Guimarães, informa que o cliente é inocente e que será provado a sua inocência no decorrer da instrução processual. “É o que se tem a declarar sobre o caso”.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui