Empresa de Porangatu é alvo da Operação Caliandra da PF

1626

Três cidades de Goiás, entre elas Porangatu, foram alvos da Operação Caliandra da Polícia Federal, deflagrada nesta quarta-feira (10/04). Mandados também foram cumpridos nas cidades de Aragarças-GO e Jussara-GO, além dos municípios de Barra do Garças, Pontal do Araguaia, Cuiabá, localizados no Mato Grosso.

O objetivo da Operação Caliandra é de apurar irregularidades na aplicação de recursos públicos federais repassados à cidade de Barra do Garças-MT. Foram cumpridos 38 mandados de busca e apreensão e 2 mandados de prisão, expedidos pela Justiça Federal do município.

Nas investigações, foram identificados indícios de irregularidades na aplicação dos recursos destinados à revitalização da Orla do Rio Garças e da Praça Domingos Mariano – Beira Rio, bem como à revitalização e ampliação do Porto do Baé. O esquema de corrupção teria atuação desde a elaboração dos projetos, a realização das licitações e execução das referidas obras.

Segundo apurado, os procedimentos licitatórios teriam sido direcionados para beneficiarem determinadas empresas, as quais não teriam condições técnicas de executar o contrato. CNN apurou que uma floricultura é alvo das buscas, porque foi contratada para construção da orla, de forma irregular, pois a atividade dela é para comércio varejista de plantas e flores naturais. Por conta disso, a operação foi batizada com o nome de Caliandra, que é uma flor típica do Cerrado.

Além disso, foram verificadas transações financeiras suspeitas envolvendo conta pessoal de servidor público municipal com empresas e seus representantes legais, que possuíam contratos com a prefeitura. O montante movimentado pelo servidor era incompatível com a sua remuneração, fato que chamou a atenção dos investigadores.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui