Homem estupra mulher na frente da filha de dois anos

Após a ocorrência do crime, o investigado passou a oferecer carros, motos e dinheiro para que a vítima não o denunciasse à Polícia.

1275

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da equipe completa da Deam de Uruaçu –norte de Goiás, prendeu Joselino Joaquim de Oliveira em cumprimento a mandado de prisão preventiva. O mandado fora expedido pelo Poder Judiciário após representação pela Polícia Civil local. O requerimento de prisão ocorreu em razão da gravidade dos fatos apurados no Inquérito.

Segundo consta, Joselino, sob o pretexto de comprar uma moto que a vítima anunciou venda, a convidou para juntos irem ver o veículo, o que foi aceito pela vítima. O investigado, então, buscou a vítima, que levou consigo sua filha de 2 anos, e todos partiram ao local em que estaria o veículo então negociado. Ocorre que o investigado desviou o trajeto e dirigiu-se para a sua residência, onde estuprou a vítima na presença da criança.

Após a ocorrência do crime, o investigado passou a oferecer carros, motos e dinheiro para que a vítima não o denunciasse à Polícia. Apurou-se ainda no procedimento que há outras vítimas, ainda desconhecidas, que foram estupradas sob o mesmo modo de agir do investigado, ou seja, após a ocorrência do estupro, aquele ofereceu veículos e dinheiro para que a vítima não o denunciasse.

DIVULGAÇÃO DA IMAGEM

Bem por isso, a divulgação da imagem do preso foi procedida nos termos da Lei n. 13.869/2019, Portaria n. 02/2020 – PC e Despacho do Delegado de Polícia responsável pela investigação, especialmente porque o autuado é suspeito de praticar crimes de estupro e oferecer, posteriormente, valores e bens para outras vítimas da localidade para que não o denunciasse.

A divulgação da sua imagem auxiliará as vítimas ainda desconhecidas a comparecerem à delegacia de polícia, realizarem o reconhecimento e prestarem esclarecimentos.

Informações: Polícia Civil de Uruaçu

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui