Marcelo Pereira é reeleito na OAB Subseção Porangatu

Em Porangatu, 99 advogados compareceram pra votar sendo 62 votos favoráveis a reeleição de Marcelo e 37 optaram pela chapa de Murilo Mendonça.

195
Murilo Mendonça e Marcelo Pereira colocaram seus nomes a disposição do comando da OAB Subseção Porangatu. Fotos: OAB Porangatu.

Durante entrevista na Rádio Tropical FM ao Jornal Sheilismar Ribeiro, o advogado Marcelo Pereira de Oliveira, reeleito para a presidência da OAB Subseção Porangatu falou das suas expectativas para o novo mandato e citou algumas realizações e conquistas da entidade.

A eleição em todo estado ocorreu no dia 19 e o presidente comandará a entidade pelo próximo triênio (2022-2024). Em Porangatu, 99 advogados compareceram pra votar sendo 62 votos favoráveis a reeleição de Marcelo e 37 optaram pela chapa de Murilo Mendonça. “Parabenizo o doutor Murilo e a mensagem que eu deixo é que quem foi eleito tem que administrar para todos, pra quem votou e pra quem não votou”, disse Marcelo.

No Estado, registrada com o número 1, a chapa de Rafael Lara recebeu 7.279 votos eletrônico válidos. O segundo lugar na disputa ficou com Pedro Paulo Guerra de Medeiros, da chapa “Muda OAB”, registrada sob o número 5, que teve 6.274 votos. Rodolfo Mota, da Chapa “Ordem Unida”, registrada sob o número 7, ficou em terceiro lugar com 2.744 votos. Valentina Jungmann, por sua vez, da chapa “Ordem para Tod@s”, registrada sob o número 2, recebeu 2.097 votos.

Com relação ao trabalho realizado na atual gestão, Marcelo destacou que nos últimos três tiveram uma gestão participativa e inclusiva com a união da categoria, reforma da sala de Estrela do Norte, de Formoso conseguindo levar bastante melhorias com a Justiça do Trabalho e a construção da sede da OAB Porangatu com a construção do muro e da primeira etapa (tem mais cinco pela frente), comissões temáticas de Direito Público, Eleitoral, Trabalhista, Tributário.

“A gente sempre fala que construção de qualquer obra pública cada um coloca um tijolinho. Doutor Mário e doutor Vitor lutaram conseguiram o terreno e a gente está tentando colocar o nosso também. Nesse mandato nós focamos muito na infraestrutura, desta vez a gente quer focar no mercado. Está tendo muita demanda com questão de Assistência Judiciária (Quando além das custas, o Estado paga o advogado) e Justiça Gratuita (quando você não paga as custas que no Estado de Goiás são as mais caras do País)”, explicou o advogado.

Marcelo também informou que pretendem a partir de janeiro implementar o convênio com o Tribunal de Justiça que passa a controlar essa situação. A pessoa procura a OAB e a entidade avalia se o solicitante tem ou não os requisitos e a partir daí o sistema sorteia um advogado. Apontou ainda a parceria com faculdade de Direito para uma unidade de prática jurídica onde alunos assistidos por professores inscritos na OAB vão poder patrocinar algumas causas depois de passar por uma comissão e preencha os requisitos. Outra demanda para o próximo triênio é conseguir melhoria nos honorários.

Marcelo destacou ainda que a OAB defende a Cidadania, sendo a única profissão regulamentada pela Constituição como uma Autarquia (Serviço Público Derivado) e durante a pandemia (Covid19) a comissão de Direito Público atuou muito e agora pretende trazer uma inovação que é a comissão do Direito do Consumidor.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui