Porangatu sediou a I edição do Programa Deputados Aqui de 2024

A primeira edição de 2024 do Programa Deputados Aqui, executado pela Assembleia Legislativa em parceria com a Prefeitura de Porangatu, levou serviços para a população de Porangatu. Promovido pela Diretoria de Participação Popular, que tem a frente o ex-deputado estadual, Max Menezes, participaram do evento os deputados José Machado e Vivian Naves; a prefeita de Porangatu, Vanuza Valadares; e representando o presidente da Alego, deputado Bruno Peixoto, o secretário de Articulações Políticas, Alexandre Belchior.

143
A prefeita Vanuza Valadares foi a anfitriã do evento parceiro da prefeitura.

A primeira edição deste ano do Projeto Deputados Aqui foi realizada no sábado, 24, em Porangatu, cidade a 413 km da Capital, na região Norte do Estado. A ação foi promovida pela Diretoria de Participação Popular da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego) em parceria com a Prefeitura de Porangatu.

Participaram da abertura do evento os deputados José Machado (PSDB) e Vivian Naves (PP); a prefeita de Porangatu, Vanuza Valadares (União Brasil); o ex-deputado estadual Helio de Sousa (PSDB); o diretor de Participação Popular do Parlamento goiano, Max Menezes; e, representando o presidente da Alego, deputado Bruno Peixoto (União Brasil), o secretário de Articulações Políticas, Alexandre Belchior.

Idealizador do evento, Max Menezes destaca os benefícios entregues à população, além de diversas parcerias em prol da sociedade, estabelecendo um contato direto entre o Poder Legislativo e a comunidade. “Nós estamos levando, mais uma vez, serviços diretos para a população. A Assembleia Legislativa tem feito seu trabalho, tem andado pelo Estado de Goiás para ficar mais próxima da população, para atender aos seus anseios. Por isso, agradeço aos nossos parceiros que sempre estão presentes. O Sesc Visão, a Defensoria Pública de Goiás, a Polícia Civil, a Fecomércio, a Emater, o Sebrae, a Secretaria da Retomada e tantos outros parceiros. Sem eles não seria possível a realização desse evento para a população”, pontuou.  

Alexandre Belchior lembra o quanto esse trabalho qualifica e movimenta os porangatuenses: “Esse é um evento diretamente para aqueles que necessitam da nossa ajuda. Obrigado aos nossos parceiros”.

Discursos

Representante da região Norte de Goiás, José Machado destacou a satisfação desse movimento. Afirmou que não é apenas a prestação de serviços essenciais, mas também uma aproximação dos deputados com a comunidade, por isso, é preciso levar o social para as pessoas que precisam resolver suas demandas.  

“Nós ficamos muito felizes por trazer mais uma edição desse projeto da Alego, com grandes serviços e grandes parceiros. Nosso presidente entende que o papel do Legislativo é muito mais que legislar, é também cuidar da população”, disse a deputada Vivian Naves.

A prefeita Vanuza Valadares ressaltou as demandas atendidas pelo mutirão: “No final de semana, a gente atende melhor as demandas reprimidas da população. Estão sendo feitos exames de DNA, a retirada do registro, o RG”. Segundo Vanuza, grande parte desses serviços são fornecidos em horário comercial, por isso, muitas pessoas não conseguem acesso. Na sequência, a política comentou sobre a organização do evento: “A gente sabe que não é fácil organizar uma estrutura como essa. Nós conseguimos dar um pouco de apoio, mas a maior estrutura é da Alego”, finaliza.

Atendimentos

Durante o evento, a população pôde aproveitar diversas frentes de serviço, como os atendimentos da Defensoria Pública (DPE-GO), com a homologação de divórcio, união estável, reconhecimento de paternidade, inclusive com teste gratuito de DNA, além da emissão de certidões de casamento, de óbito e também a emissão ou segunda via de RG e CPF. O intuito é fornecer acesso à Justiça e à assistência jurídica integral e gratuita para a população em situação de vulnerabilidade do município.

A Secretaria de Assistência Social do município também ofereceu serviços de orientação aos moradores, para manterem o Cadastro Único atualizado. O programa mantém vários projetos sociais cuja única porta de entrada é o CadÚnico do governo federal. São eles: Mães de Goiás, Dignidade, Goiás Por Elas, Aprendiz do Futuro e Aluguel Social.

Por isso, os beneficiários devem manter os dados sempre em dia para terem acesso aos benefícios. Esse é o caso da Iana Viana, de 40 anos, que tem uma filha de 1 ano e 3 meses, com síndrome de Down, a Isis. “Eu trabalhava, engravidei e ela nasceu com síndrome de Down. Como somos só eu e ela, eu não tinha com quem deixar, então, precisei sair do emprego para cuidar dela. Eu estou desempregada e sem renda, então eu preciso da ajuda do Governo para poder sobreviver. Vim atualizar meu cadastro para ver se consigo alguma coisa”, contou.

Foram realizados também atendimentos médicos nas áreas de cardiologia, nutrição, odontologia e aferição de glicemia e pressão arterial, com a equipe médica da Diretoria de Saúde da Alego. O Sesc Visão realizou exames oftalmológicos, com a entrega gratuita de óculos.

Além disso, a população pôde aproveitar os cursos de capacitação e aperfeiçoamento para o mercado de trabalho. Foram disponibilizados serviços de estética, cortes de cabelo para homens e mulheres, curso de fotografia, recreação para as crianças e apresentações culturais.

Nesta edição do evento, a Alego homenageou 75 pessoas que prestaram relevantes serviços à comunidade e contribuíram para o desenvolvimento econômico e social de Porangatu e região.

Agência Assembleia de Notícias

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui