Porangatuense é resgatada em estado gravíssimo de acidente

Além da gravidade do acidente, a família está apreensiva pela espera por uma vaga de UTI.

2177
Lucília ao lado do esposo, Valdivino: UTI é esperança da família. Fotos: Divulgação.

A porangatuense Lucília José Brandão Mendanha, passageira de um Corolla que e envolveu em um acidente no início da noite deste domingo (16), na GO-070, próximo à cidade de Goiás, foi encaminhada em estado gravíssimo para o Hugol em Goiânia.

Ela e o condutor, seu esposo, Valdivino Gonçalves Machado estavam retornando de um acampamento de pesca com destino a Itaberaí, onde residem atualmente.

À frente deles, estava um carro de passeio e um caminhão e Valdivino tentou a ultrapassagem, porém o veículo que estava em sua frente também saiu para fazer a ultrapassagem depois dele.

Para tentar desviar, ele acabou perdendo o controle da direção rodou na pista e capotou, invadindo a vegetação da contramão e bateu em uma árvore. O veículo que causou o acidente não parou para prestar nenhum tipo de assistência às vítimas.

Valdivino teve ferimentos leves e lesão na coluna. Já Lucília teve afundamento no crânio, estava inconsciente e se encontra entubada. De acordo com as informações repassadas ao sobrinho dela, Carlos André, ela aguardava vaga para UTI e foi avaliada por neurocirurgião ortopedista.

Lucília passou por um dreno de tórax após a tomografia assim que chegou à unidade. Ela teve fratura de arcos costais, de cervical (coluna), na cabeça com coágulos de sangue no cérebro, fratura na mandíbula.

“Nós (a família) estamos muito apreensivos aguardando essa vaga de  UTI que pode ser crucial”, disse Carlos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui