Quatro são presos em operação contra saques fraudulentos

929

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio das Delegacias de Polícia de Mara Rosa e Campinorte, deflagrou na manhã desta sexta-feira (4) a operação Saque Rápido, voltada ao combate a saques fraudulentos de auxílios governamentais junto às lotéricas credenciadas.

Na oportunidade, quatro pessoas foram presas preventivamente.

A investigação aponta que os autores se associaram para furtar os valores creditados pelo Governo, se passando pelos legítimos beneficiários, mediante apresentação de carteira de identidade previamente falsificada.

Durante as buscas, ainda foram encontradas pequenas porções de droga, cujos respectivos usuários foram autuados em Termo Circunstanciado de Ocorrência. 

A operação contou com equipes das Delegacias de Polícia Civil de Niquelândia, Uruaçu, Campinorte e Mara Rosa, e ainda uma equipe do GPT da Polícia Militar.

A divulgação da imagem dos presos foi procedida nos termos da Lei nº 13.869/2019 e da Portaria nº 547/2021 – PC, conforme Despacho do(a) Delegado(a) de Polícia responsável pelo inquérito policial, de modo que a publicação de sua imagem possa auxiliar no surgimento de novas vítimas e testemunhas que façam seu reconhecimento, além de novas provas.

Fonte: Polícia Civil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui